Hambúrguer de Quinoa e Cogumelos

Uma ótima receita para se fazer com sobras de quinoa. Estes hambúrgueres são ótimos porque você ainda pode congelá-los e preparar na hora de servir. Na medida do possível utilize ingredientes orgânicos para as suas receitas. Barbarelismus



INGREDIENTES
  • 230 g de cogumelos, fatiados
  • 2 cenouras, picadas
  • 3 talos de aipo, picados
  • 1/2 xícara de quinoa
  • 1 xícara de água
  • 1 colher de chá de óleo de coco
  • 1/2 cebola, picada
  • 2 dentes de alho, picadinho
  • 1 colher de chá de cominho em pó
  • 1 colher de chá de chili em pó ou pimenta calabresa
  • 1 colher de chá de sal


COMO FAZER:

1. Pré-aqueça o forno a 180ºC e forre a bandeja do forno.

2. Coloque os cogumelos, as cenouras e o aipo na bandeja forrada e asse por 30 minutos (sem óleo!).

3. Enquanto os legumes estão no forno, coloque a quinoa em uma panela pequena e cubra com a quantidade de água indicada. Cozinhe até levantar fervura e então tampe. Reduza para fogo baixo e deixe cozinhando por 15 minutos ou até que a água tenha sido completamente absorvida. Retire do fogo e reserve.

4. Derreta o óleo de coco em uma frigideira sobre fogo médio e refogue a cebola e o alho até que amoleçam, cerca de 8-10 minutos.

5. Transfira a cebola e o alho, os vegetais assados e a quinoa cozida para um processador de alimentos. Adicione o cominho, o chili em pó e o sal. Processe até que se transforme em uma mistura uniforme. Deve ficar grudenta o suficiente para moldar hambúrgueres. Se tiver dúvida, processe um pouco mais, pois os bolinhos precisam ficar bem grudentos para que não desmontem quando assados.

6. Divida a mistura em 4 porções (cerca de ½ xíc. cada) e use as mãos para fazer os hambúrgueres com cerca de 1 cm de grossura. Coloque-os sobre a bandeja do forno (forrada) e asse por 30 minutos. Remova do forno e use uma espátula para virá-los cuidadosamente (eles desmontarão se você não fizer isso delicadamente) e retorne ao forno para assar por mais 15 minutos. Eles estarão prontos quando a parte exterior estiver crocante mas o interior estiver macio. Sirva morno.





Minhas alterações: usei 2 batata baroa (150 g) no lugar do aipo porque eu não gosto de aipo e também não tinha encontrado nenhum orgânico.




O Blog Barbarelismus é escrito em inglês, e tem receitas maravilhosas, diferentes e saudáveis, que estão sendo traduzidas e serão postadas aqui com exclusividade. Visite o blog Barbarelismus clicando aqui e curta a Fan page no Facebook clicando aqui. Vale a pena curtir e acompanhar.

Receita original em inglês do site MegUnprocessed: Veja aqui.

ESTA RECEITA, TEXTO E FOTOS PERTENCEM AO BLOG BARBARELISMUS. SE VOCÊ GOSTOU E QUISER COMPARTILHAR OU POSTAR, POR FAVOR DÊ OS DEVIDOS CRÉDITOS. OBRIGADA!

6 comentários

  1. Bom dia! Este hambúrguer pode ser congelado?
    Obrigada! Bjs, Gabriela

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Gabriela, tudo bem?

      Seja bem vinda e obrigada por acompanhar o blog. Pode congelar sim, sem problemas. prepare os hambúrgueres e disponha em uma travessa grande e congele em aberto apenas até que fiquem firmes o suficiente para embalar. Depois disto embale ou disponha em um recipiente próprio para congelamento separando com plástico filme. Devolva ao congelador. Mantenha congelado por até 30 dias. Quando quiser utilizar retire do freezer apenas a quantidade que vai preparar. Asse ou grelhe enquanto ainda congelados com um pouquinho de óleo. Espero ter esclarecido a tua dúvida. Se fizer me conta como ficou.
      Um grande abraço,

      Lori Ellis

      Excluir
  2. Olá, boa tarde. O cogumelonao qual se refere pode ser o champignon em conserva?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, tudo bem?

      Esta receita foi feita com cogumelos frescos e eu não posso te garantir que fique boa com champignon. Aqui onde moramos (Usa) os cogumelos são muito baratos e tem uma abundância muito grande de variedades. Por outro lado não se encontra o champignon que estamos acostumados a encontrar no Brasil. Por este motivo eu não tenho muita experiência com champignon.
      Acredito que podes controlar a consistência, escorrendo bem o líquido do champignon, usando menos quantidade de água e se for necessário, acrescentando uma quantidade maior de quinoa para poder conseguir modelar as bolinhas. Espero ter ajudado, se fizer a receita me conta como ficou. Um grande abraço e obrigada por acompanhar o blog.

      Lori Ellis

      Excluir
  3. Respostas
    1. Oi Oliva, tudo bem?

      Que bom que chegaste aqui, seja muito bem vinda! Fico feliz que gostaste do blog e agradeço muito o carinho de escrever este recadinho tão fofo! Espero receber a tua visita mais vezes, se fizeres alguma receita, me conta como ficou, vou adorar saber. Um grande abraço e obrigada por acompanhar o blog.

      Lori Ellis

      Excluir

Olá,
Seja muito bem vindo e obrigada por visitar o meu blog!
Seu comentário será lido e assim que possível respondido neste mesmo post. Por favor assine o seu comentário para que eu possa conhecê-lo também.Obrigada pela visita e volte sempre!

Lori Ellis